Dicas de Viagem Pioneiro

  • tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte
  • E-mail
Avalie este item
(0 votos)

Confira as dicas da Pioneiro para que o seu passeio seja inesquecível e possa retornar para a sua cidade de origem com segurança.

Bonito - Tempo para passeios

Muitos passeios de Bonito têm duração de visitação de meio período, sendo que alguns levam o dia todo para visitação. Dificilmente você vai conseguir fazer mais de um passeio por período, principalmente porque as distâncias não são próximas e você acaba ficando mais do que o descrito, principalmente fora de temporada.

Bonito - Permanência

Um bom período de permanência em Bonito é de 5 (cinco) dias, onde é possível realizar um passeio de cada categoria. Caso deseja permanecer por mais tempo, Bonito oferece mais de 30 opções de sítios turísticos.  

Bonito - Reservas de estadia

  • Se pretende vir em épocas de alta temporada, principalmente no verão e em feriados prolongados é necessário fazer reservas antecipadas nos passeios e nos hotéis.
  • O número de pessoas por passeio por dia é limitado, tudo em nome da preservação do local.
  • Sem guia e sem agência de turismo, você não pode ir aos passeios.
  • Faça sua reserva com antecedência com a Pioneiro Turismo

Bonito - O que trazer

São indispensáveis roupa de banho, boné ou chapéu de palha, mochila, tênis, sandália de borracha fechada (papete), camiseta, short, moletom, capa de chuva, protetor solar, repelente, máquina fotográfica, câmera filmadora e agasalho no inverno.

Bonito - Dicas Gerais

  • Como cada passeio tem um número máximo de visitantes por dia, o ideal é efetuar as reservas com antecedência, principalmente em alta temporada.
  • Todos os passeios são pagos e não incluem o transporte até o passeio. Você tem a opção de ir de carro próprio ou contratar serviços de transporte na sua agência de viagem.
  • Conforme Lei Municipal, para visitação nos atrativos turísticos de Bonito (exceto nos balneários) é obrigatório o acompanhamento do guia de turismo local credenciado pela EMBRATUR e cadastrado na prefeitura. 
  • O protetor solar e o repelente não podem ser utilizados nos passeios de flutuação, garantindo desta forma a conservação do ecossistema local
  • A maioria das estradas que dão acesso aos passeios é de terra e recomenda-se trafegar em velocidades entre 30 a 50 km/h.
  • As condições atmosféricas podem impedir ou dificultar a realização de alguns passeios. 
  • É bom não ingerir muito as águas dos rios ou de torneiras, pois apesar de limpas, são ricas em calcário e magnésio, podendo causar reação intestinal
  • Não alimente os peixes e outros animais, a natureza já faz isso por você.
  • Não jogue lixo nas ruas, trilhas e estradas. 

Pantanal - O que trazer

Protetor solar, repelente, roupas leves de manga comprida, chapéu ou bonés, botas e/ou sapatos tipo coturnos, calça comprida, cantil, lanternas, capa de chuva, roupas de banho, mochila pequena e máquina fotográfica.

Pantanal - Melhor época para visitar

O Pantanal muda de cenário a cada estação, mas é sempre exuberante. A temperatura média durante o ano é de 25ºC, podendo chegar perto de 0ºC no inverno e alcançar 40ºC no verão. A Estação das CHEIAS vai de dezembro a março. As Estações de TRANSIÇÃO vão de abril a junho e outubro a novembro. E a estação da SECA de julho a setembro.

Pantanal - Cuidados ao navegar e nadar em Rios

É preciso mesmo ter cuidado com alguns animais, como jacarés, piranhas, ariranhas e arraias. É necessário conhecer muito bem os rios antes de nadar e sempre estar acompanhado por um guia da região. Piranhas e Jacarés são perigosos em rios onde a concentração é muito grande. Por isso em lugares onde costumam limpar peixes, não é aconselhável nadar, pois eles podem atacar. As ariranhas sempre apresentam risco, inclusive quando estão com filhotes. E em alguns rios existem arraias: elas costumam ficar em águas rasas, à espera de alimento. Por isso, ao entrar em rios, recomenda-se caminhar rastejando os pés no fundo para evitar o confronto. Sua ferroada é muito dolorosa.

Pantanal - Não tente explorar o Pantanal sozinho

Os passeios devem sempre ser acompanhados de guias especializados, que informam o que pode e o que não pode ser feito, e o acesso a determinadas atrações tem um número máximo de visitantes por dia. Por isso, a dica é reservar os pacotes com antecedência, de preferência ainda na cidade de origem e através de uma agência de viagens.

Visualizada 2601 vezes
 
Tempo Miranda